Ações e investimentos da MRN para o combate à Covid-19 no Pará

A MRN já investiu, até o momento, cerca de R$ 4 milhões para contribuir no combate à Covid-19 em municípios do Oeste do Pará. Além da compra das cestas básicas, adquiriu 900 testes rápidos para diagnóstico da Covid-19, distribuídos aos hospitais municipais de Oriximiná e Terra Santa. Outra iniciativa da empresa em andamento é a compra de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) como luvas, óculos, máscaras, aventais, e de materiais de limpeza para serem distribuídos aos Hospitais Municipais de Oriximiná e Terra Santa. “Todas estas ações fazem parte da política de responsabilidade social e desenvolvimento dos municípios da área de atuação da MRN e serão mantidas enquanto durar a pandemia”, declara Vladimir Moreira, Diretor de Sustentabilidade da MRN.

Conscientização – Uma relevante iniciativa de conscientização e atendimento preventivo está sendo realizada desde o dia 18 de março por meio do projeto Quilombo, que faz parte do Programa de Educação Socioambiental (PES) da MRN e tem apoio da Prefeitura Municipal de Oriximiná: São visitas do médico do projeto, Jô Furlan, às comunidades da região, para levar informações preventivas sobre a Covid-19, como a necessidade da higienização das mãos e objetos de uso cotidiano, de redobrar os cuidados com os idosos e a importância de manter o isolamento social. Em operação há mais de 20 anos, o projeto Quilombo atende 14 comunidades dos territórios quilombolas do Alto Trombetas 1 e 2, fornecendo medicina preventiva com atendimento médico básico, que inclui exames, consultas médicas e de enfermagem, vacinação, palestras informativas e iniciativas de combate à desnutrição para comunidades descendentes de quilombolas no Alto Trombetas. Paralelamente, a empresa mantém uma ampla campanha de prevenção contra a Covid-19, que inclui carro-som, “barco-som”, plataformas digitais, rádio e WhatsApp.

CONTÉUDO DE APOIO – VÍDEOS

· Operação da MRN, Hospital de Porto Trombetas e cotidiano de comunidades (https://we.tl/t-SxXDrxMt5x)

· Depoimento Vladimir Moreira, Diretor de Sustentabilidade (https://we.tl/t-2t9EuqFMSB)

· Depoimentos de João Wai Wai, da tribo Wai Wai, Raimunda Gemaque Ferreira, da comunidade Espírito Santo, Antonio Pinheiro de Almeida, da comunidade São Francisco e de Marcelino Conti, Diretor do Campus de Oriximiná da Universidade Federal Fluminense (https://we.tl/t-2BCsosSuqO)

· Dois programas Pergunte ao Dr. Jô (https://we.tl/t-2BCsosSuqO)

· Ação Humanitária – Entrega das cestas básicas com alimentos e materiais de higiene e limpeza para as comunidades (https://we.tl/t-3P8Mbhhuq1)

OBS: Algumas imagens editadas neste vídeo foram feitas em meados de março, quando o uso de máscara ainda não era obrigatório.

 

#MineraçãodoBrasil #MineraçãoContraoCovid19

0
0