Comunidade recebe programa de voluntariado ACTION que estimula empreendedorismo entre mulheres

programa de voluntariado ACTION
Mais de 130 comunitários de Maravilha participaram do Action – crédito: divulgação

Durante a manhã do último sábado (13), a comunidade Maravilha, na região de Juruti Velho, município de Juruti, oeste do Pará, recebeu o programa de voluntariado ACTION, uma iniciativa do Instituto Alcoa. O programa tem como um dos objetivos incentivar o trabalho voluntário entre os funcionários da Alcoa, deve ser realizado fora do horário de trabalho e ter a duração de pelo menos quatro horas. Mais de 130 comunitários, entre crianças e adultos, participaram da ação que contou com uma oficina de confecção de laços artesanais para mulheres, além de atividades de pinturas em desenho e futebol com as crianças.

A oficina de artesanato iniciou com um diálogo sobre conceito de formação de preço, com a gerente de Controladoria da Alcoa Juruti, Gisele Salvador, que enfatizou sobre a importância da capacitação para a geração de renda na comunidade. “Estar próximo da comunidade, contribuir com o seu desenvolvimento, também nos dá a possibilidade de explicar mais sobre a Alcoa, o que produzimos, como fazemos e qual o nosso compromisso na região. Todas as vezes que venho, eu aprendo muita coisa com a comunidade,” declarou.

Sandra Laureci, criadora do projeto Mulheres Prósperas, grupo que desenvolve voluntariado de artesanato com mulheres em Juruti com apoio do Instituto Juruti Sustentável (IJUS), disse que “passar os ensinamentos adiante de forma voluntária e poder ajudar as mulheres, é muito gratificante”. Ela ministrou oficina sobre a confecção de laços e tiaras. Sessenta e quatro mulheres da Comunidade Maravilha tiveram acesso à oficina e contarão com uma nova alternativa de geração de renda.

A coordenadora da comunidade Maravilha, Graciede Matos, ressaltou a importância de receber o ACTION e mobilizar as mulheres da comunidade a terem uma renda extra. “Pra mim está sendo muito bom mesmo ver todo mundo rindo, todo mundo alegre e aprendendo. Isso é muito gratificante”, disse. Na comunidade vivem em torno de 490 pessoas de 96 famílias.

A ação do Instituto Alcoa beneficiará a Associação de Produtores Rurais da Fazenda Lagoa (Asprofago) com uma doação de R$ 10 mil que será investido na sede da associação da qual a comunidade Maravilha também faz parte.

0
0