Vale promove jornada de Inteligência Artificial para atrair estudantes à carreira de cientista de dados

Programação inclui "masterclass" com especialistas do Centro de Inteligência Artificial da empresa e começa com uma live no próximo dia 22

Sorry, this entry is only available in Brazilian Portuguese. For the sake of viewer convenience, the content is shown below in the alternative language. You may click the link to switch the active language.

A Vale vai promover uma Jornada de Introdução à Inteligência Artificial com o objetivo de divulgar a carreira de cientista de dados para os jovens. A jornada começa no próximo dia 22, às 17h, com uma “live” reunindo especialistas da Vale e estudantes que desenvolvem projetos em parceria com a empresa. No dia 5/11, às 14h, será realizada uma “masterclass” sobre conceitos, prática e mercado de trabalho em ciência de dados. Os eventos são gratuitos e as inscrições devem ser feita pelo site www.vale.com/jornadaia .

O cientista de dados é um profissional responsável por desenvolver sistemas de Inteligência Artificial que podem ser aplicados a vários campos de conhecimento como indústria, comércio e entretenimento. É uma profissão recente que ainda carece de mão de obra especializada no Brasil. A Vale vem realizando treinamento para suprir as vagas que têm criado. Desde 2017 foram treinados cerca de 600 profissionais em cinco países. A expectativa é que essa demanda siga em alta.

No ano passado a Vale criou o AI Center, seu centro de Inteligência Artificial em Vitória (ES), para desenvolver e monitorar as iniciativas dessa ciência nas unidades da empresa em vários países. O centro também promove intercâmbio com instituições de ensino. No local já foram desenvolvidos 15 projetos de graduação e pós-graduação.

A Vale investe em Inteligência Artificial para aumentar a segurança das operações e a confiabilidade dos ativos, além de incrementar a produtividade. Uma das linhas de projetos é a de predição de falhas. Os especialistas captam milhões de dados a partir de sensores instalados em equipamentos e de outras variáveis da operação, analisam as informações e com o apoio de modelos matemáticos geram insights que ajudam a prever quando eses equipamentos poderão apresentar falhas. Dessa forma, é possível evitar a quebra do equipamento, o que pode causar prejuízos ao negócio, mas principalmente danos aos empregados da operação.

Programação
A “live” do dia 22 terá 1h30 de duração e será liderada pelo professor Jodelson Sabino, que desenvolve pesquisa aplicada no AI Center. O evento contará com mais quatro profissionais da Vale (veja a lista completa abaixo), além de alunos de graduação e mestrado de instituições de ensino de Espírito Santo, Minas Gerais, Pará e Maranhão.
Já a “masterclass” do dia 5/11 terá duas horas de duração e será conduzida por instrutores que desenvolvem projetos de inovação na Vale (veja o programa completo abaixo).

Serviço

Live: 22/10, de 17h às 18h30
Participantes da Vale:
Jodelson Sabino, especialista do AI Center (Vale); Edson Antônio, gerente de Inteligência Artificial da Vale; Ronnie Alves e Gustavo Pessin, pesquisadores do Instituto Tecnológico Vale (ITV); Sandoval Carneiro, gerente de Tecnologia e Inovação para Sustentabilidade da Vale
Estudantes participantes:
Bruna Neves, aluna de mestrado da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES); Thais Menezes, aluna de Engenharia da Computação da UFES; Ada Silva, aluna de mestrado da Universidade Estadual do Maranhão; Raissa Silva, bolsista pesquisadora do ITV; e Levi Resende, aluno de mestrado do ITV

Masterclass: 5/11, de 14h às 16h
Programa:
– Ciência de Dados: conceitos, metodologia e ferramentas (com Jodelson Sabino e Juliano Santos Correa, coordenador de Solução de Negócio para Tecnologia Operacional)
– Análise preditiva na prática (com Jodelson Sabino)
– Mercado profissional: os diversos atores em um projeto de ciência de dados (com Rafael Lychowski, gerente de Inteligência Artificial da Vale)
– Início de carreira, da iniciação científica ao estágio (com Jodelson Sabino e Sandoval Carneiro)

0
0