Mineradoras debatem sobre o setor com representante da Universidade Urais, da Rússia

O encontro serviu para intercâmbio de experiências e estreitamento das relações entre a mineração brasileira e a Academia russa


Olga Novoselova durante encontro com representantes da AngloGold Ashanti – Crédito: Divulgação

O Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM), representado pelo Diretor de Comunicação, Paulo Henrique Soares, recebeu na última sexta-feira (2/2) a professora de Comunicação da Universidade Federal dos Urais (URFU), da Rússia, Olga Novoselova, em Belo Horizonte (MG). O encontro teve como objetivo mostrar como as mineradoras brasileiras trabalham os processos de comunicação e relacionamento com as comunidades.

Participaram também da reunião representantes da Anglo American, Vale e AngloGold Ashanti, que abordaram temas relacionados à operação da mineração no Brasil e, em especial, das empresas. Além disso, discutiram estratégias de comunicação, sustentabilidade, saúde e segurança e diálogo com os funcionários e as comunidades.

Para a professora, as visitas nas três mineradoras foram muito enriquecedoras. “Brasil e Rússia são países culturalmente muito diferentes, com legislações totalmente diversas. Porém, é fundamental obter conhecimentos e ensinamentos do Brasil para levar aos alunos essas diferenças de realidade. Ao se graduarem, eles terão todo o mundo como local para trabalhar”, disse. Olga Novoselova declarou que esse é um primeiro contato e que, no futuro, pode se transformar em possibilidade da promoção de intercâmbio entre a Universidade Urais e as mineradoras brasileiras. “Essa aproximação poderá beneficiar os futuros profissionais da nossa Universidade, com a probabilidade de aprendizado prático”, afirmou.

O Diretor de Comunicação do IBRAM acredita que essa troca de experiências promove o estreitamento das relações entre Brasil e Rússia, com benefícios mútuos. “O encontro propiciou que tivéssemos um conhecimento mais real sobre a mineração na Rússia, além de trocar experiências vividas pelo setor e pela Academia”.


Paulo Henrique, diretor de Comunicação do IBRAM, e Olga  Novoselova, professora de Comunicação da Universidade Federal dos Urais- Crédito: Divulgação

Sobre Universidade Federal dos Urais

A Universidade Federal dos Urais é uma das maiores da Rússia. Está localizada em Ekaterimburgo – cidade moderna e muito desenvolvida; possui o quarto lugar na Rússia em número de habitantes. Atualmente, mais de 30.000 jovens de 80 países estudam nessa Universidade. O número de professores chega a 2.000. Oferece cursos em russo e em inglês.

A URFU está entre as 10 Universidades de maior nível na Rússia, 80 melhores Universidades dos BRICS (QS University Ranking: BRICS), 60 melhores Universidades dos países da Europa do Leste e da Àsia Central (QS University Ranking: EECA).

0
0