MRN conquista recomendação da recertificação do Sistema Integrado de Gestão

A Mineração Rio do Norte (MRN) comemora a conquista da recertificação do seu Sistema Integrado de Gestão, baseado na norma ISO 14001, que engloba as iniciativas de proteção ao meio ambiente, e na norma OHSAS 18001, que abrange a segurança e saúde ocupacional. A recertificação foi recomendada pelo órgão certificador internacional Bureau Veritas Certification (BVC).

O escopo da auditoria de recertificação compreende os processos de planejamento, mineração, transporte, beneficiamento, embarque fluvial de bauxita, geração de energia e as instalações do distrito de Porto Trombetas, no município de Oriximiná, onde a empresa concentra suas operações.

Para Wvagno Ferreira, gerente da área de Gestão Estratégica e Risco da MRN, a recertificação do Sistema Integrado de Gestão é o indicativo de que a empresa vem atuando para atender plenamente os padrões exigidos nas normas, para operar no melhor nível. “São normas extremamente importantes, que sinalizam as boas práticas de gestão da segurança, respeitando as pessoas e o meio ambiente. Isso também traduz a robustez de nosso Sistema Integrado de Gestão, que garante a entrega de produtos com a qualidade requerida para atender as necessidades de nossos clientes, baseado na segurança e sustentabilidade de nossas operações. Isto tem colocado a MRN como referencial para diversas organizações”, destaca.

O gerente da área de Gestão Estratégica e Risco da MRN ressaltou, também, que os auditores elogiaram a evolução da empresa no ciclo de seis auditorias realizadas nos últimos três anos, que culminaram com a recomendação da recertificação. Entre os pontos destacados, estão o comprometimento e engajamento da alta liderança, envolvimento dos empregados e entendimento dos riscos inerentes ao negócio e às atividades que executam, ambientes sinalizados com base nas premissas do programa 5S, atendimento aos requisitos normativos e a transparência em reportar todos os seus processos. “Também tivemos oportunidades de melhoria, que estão inseridas em nosso sistema de gestão, para serem tratadas pelos próximos seis meses, com o intuito de desenvolver, cada vez mais, um padrão de excelência operacional e organizacional”, comenta.

Como próximos desafios, Wvagno Ferreira afirmou que a MRN está focada na melhoria contínua, por meio da adequação dos requisitos da norma ISO 45001 (Segurança e Saúde Ocupacional), na implementação de novo software para dar suporte à gestão integrada e, também, incorporar a certificação na norma ISO 9001, que trata da qualidade, ao Sistema Integrado de Gestão da empresa.

0
1