Samarco | Posicionamento sobre homologação do TAC Governança

O juízo da 12ª Vara da Justiça Federal de Minas Gerais homologou nesta quarta-feira, 8/8, o Termo de Ajustamento de Conduta Governança (TAC GOV) – do qual a Samarco é signatária – que amplia a participação das pessoas atingidas no processo de reparação dos impactos decorrentes do rompimento da barragem de Fundão, em Mariana.

Para concluir o TAC Governança, celebrado no dia 25 de junho entre a Samarco e suas acionistas, BHP Billiton Brasil e Vale, os Ministérios Públicos (Federal, do Espírito Santo e de Minas Gerais), as Defensorias Públicas (da União, do Espírito Santo e de Minas Gerais) e as Advocacias Públicas (da União, do Espírito Santo e de Minas Gerais), e outros órgãos governamentais, foram feitas diversas reuniões ao longo de um ano e nove meses, que resultaram em debates para aprimorar o processo de reparação instituído pelo Termo de Transação e Ajustamento de Conduta (TTAC), celebrado em março de 2016.

A Samarco reforça, mais uma vez, o seu compromisso com a reparação dos danos socioeconômicos e socioambientais e reitera que sempre buscou a conciliação.

0
0