Palco principal do Rock in Rio é feito de aço 

10 Maio 2022

Maior evento de rock do Brasil contará com a parceria da Gerdau para a produção da cenografia de aço do Palco Mundo

A mineração já confirmou a sua presença no Rock in Rio edição 2022. Além dos minérios, metais e minerais presentes na estrutura do evento, instrumentos musicais e diversos componentes necessários para realizar do festival, a Gerdau, maior empresa brasileira produtora de aço e também produtora de minério de ferro no Brasil, firmou uma parceria inédita para a construção do palco principal. 

https://portaldamineracao.com.br/wp-content/uploads/2022/05/Gerdau_RockRio_2205.jpeg

Palco Mundo do Rock in Rio | Arte: Atake

A estrutura criada para o Palco Mundo terá um visual mais imponente e ainda mais moderno do que nas edições anteriores. Serão quase 200 toneladas de aço, equivalentes à fabricação de 200 carros, utilizadas na cenografia de um dos maiores ícones da Cidade do Rock. Com estrutura modular e com mais de 100 metros lineares de largura e uma altura proporcional a um edifício de 10 andares, o palco será o maior do festival e terá 30 metros de altura e 104 metros de largura — a maior estrutura já feita desde a primeira edição, em 1985. Outra novidade é que o palco será constituído por placas de aço com perfurações aparentes, que serão trabalhadas com iluminação cênica.

O aço, uma liga metálica formada principalmente de ferro e carbono, é um material 100% reciclável, que pode ser reciclado infinitas vezes sem perder suas propriedades. A reciclagem tem efeitos positivos na mitigação das mudanças climáticas: poupa recursos naturais, reduz o consumo de energia e a emissão de gases de efeito estufa. Atualmente, a Gerdau, que tem 73% de sua produção oriunda da reciclagem de sucata metálica, possui uma das menores médias de emissão de gases de efeito estufa, de 0,90t de CO₂e por tonelada de aço, o que representa aproximadamente a metade da média global de seu setor, de 1,89t de CO₂e por tonelada de aço, segundo os dados de 2020 divulgados pela World Steel Association (worldsteel). 

A escolha da Gerdau como a empresa fornecedora de aço para a construção do Palco Mundo do Rock in Rio levou em conta aspectos de sustentabilidade e inovação. A empresa é a maior recicladora de sucata metálica da América Latina, o que torna o seu aço um produto com intensidade carbônica menor que a média do setor. Além do aspecto ambiental, o processo de reciclagem inclui milhares de cooperativas e pessoas em sua cadeia de geração de renda. Do ponto de vista de inovação, o aço da Gerdau é um produto versátil, flexível e com características perfeitas para uma construção rápida, ágil, segura e com estética futurista.

Números da nova cenografia do Palco Mundo e da Gerdau

– Aproximadamente 200 toneladas de aço: equivalentes a fabricação de 200 carros;

– 30 metros de altura: similar a um prédio de 10 andares;

– 104 metros de largura: equivalente a duas piscinas olímpicas;

– 100% reciclável, a cenografia do Palco Mundo será eternamente reaproveitada, quando deixar de ser palco, podendo se transformar em casas, edifícios, carros, centros hospitalares, entre outros;

– Mais 1 milhão de pessoas, incluindo  catadores e cooperativas, envolvidas no processo de reciclagem da Gerdau;

– 73% do aço da Gerdau é produzido a partir da reciclagem da sucata metálica;

– 11 milhões de toneladas por ano: A Gerdau é a maior recicladora das Américas;

– 36 mil colaboradores diretos e indiretos em todas as operações da Gerdau: número de empregos gerados pela companhia.

– A Gerdau é associada do Instituto Brasileiro de Mineração (IBRAM) 

*Com informações da Gerdau

Veja também: 

aço
Gerdau
IBRAM
portaldamineracao
rock in rio